Óleo de Argan: Para que Serve, Benefícios, Como Usar (Cabelo e Pele)

oleo de argan

O óleo de argan é um óleo poderoso conhecido no mundo todo como o ouro líquido do Marrocos. Sendo um dos “queridinhos” das amantes de cabelos hidratados e sem frizz, este óleo promete dar uma nova vida para os cabelos, deixando-os mais fortes e bonitos.

Além disso, este óleo também trata e cuida da sua pele, minimizando os impactos do dia-a-dia e fortalecendo a regeneração celular.

A seguir você conhecerá todos os benefícios deste incrível produto natural, além de aprender a como utilizá-lo no seu dia-a-dia, garantindo que todas as suas vantagens sejam aproveitadas por você. Acompanhe:

 

Óleo de argan

O óleo de argan é extraído das nozes da planta Argania spinosa, encontrada no Marrocos. Os marroquinos já usam esse óleo há séculos para o tratamento da pele e dos cabelos. É um óleo raro e caro, já que essa planta não é encontrada em outros países facilmente. Além disso, é preciso de uma quantidade de aproximadamente 100 kg de sementes para que se produza apenas 1 litro do produto.

Produzido de forma manual, primeiro é retirada a polpa das nozes, deixando-as ao sol para secarem. Depois as sementes são removidas e, em seguida, elas são levemente tostadas e o óleo é extraído.

 

Benefícios do óleo de argan

A lista de benefícios é enorme quando falamos do óleo de argan.

Estudos científicos comprovam o poder antioxidante e anti-aging (anti-envelhecimento) desse óleo. Possui 80% de gorduras insaturadas e tem três vezes mais vitamina E do que qualquer outro óleo vegetal. Além disso, é rico em vitaminas A e D e contém altos níveis de ácidos graxos essenciais, ômega 6 e fitosteróis.

Abaixo você encontrará as vantagens descritas detalhadamente, e ainda aprenderá a como usar em casa este poderoso produto.

 

Benefícios para os cabelos

Hidrata e protege

O óleo de argan é extremamente rico em ácidos graxos e diversas vitaminas, sendo capaz de proporcionar uma hidratação profunda, principalmente nos fios mais ressecados.

Além disso, é capaz de formar uma espécie de “filme protetor” em torno da fibra capilar. Desse modo, ele sela as cutículas, mantendo todos os nutrientes, água e vitaminas dentro dos cabelos. Como consequência, os fios ficam hidratados por muito mais tempo, além de estarem protegidos contra danos externos.

 

Combate as pontas duplas

Essa camada protetora que o óleo é capaz de formar nos cabelos é responsável por inibir o aparecimento e desenvolvimento de pontas duplas. É como se o óleo agisse como uma selagem, só que totalmente natural.

Com o uso frequente, você notará cabelos com menos quebra e pontas muito mais hidratadas e macias, livres daquelas “ranhuras” que dão margem ao aparecimento de pontas abertas.

 

Proporciona brilho instantâneo

A selagem também é capaz de trazer um efeito de brilho instantâneo para os fios, deixando-os mais alinhados e com uma textura mais lisa.

Porém, isso não significa que o cabelo em si ficará liso. Mas sim, quer dizer que o óleo irá diminuir a porosidade da fibra, mantendo-a mais macia ao toque e, consequentemente, com um brilho mais “iluminado”.

 

Retarda o envelhecimento dos fios

A composição do óleo de argan conta ainda com diversas propriedades antioxidantes poderosas que manterão os radicais livres e diversas toxinas longe dos fios. Desse modo, o envelhecimento capilar é retardado, mantendo a fibra mais forte por muito mais tempo.

 

Diminui a queda capilar

Além de combater o envelhecimento dos cabelos, a redução das toxinas e dos radicais livres é responsável por diminuir a queda de cabelo. Você sabia que grande parte das queixas de queda capilar é proveniente do excesso de toxinas no organismo?

E quando o corpo está carregado de toxinas, isso se reflete nos cabelos, fazendo com que os mesmos se enfraqueçam e não cresçam de forma saudável. Além, claro, de caírem mais frequentemente.

É por isso que hidratações semanais com óleos como o de argan e a ingestão de bastante água é crucial para a saúde capilar.

 

Nutre a fibra capilar

Sabe quando chega o dia de nutrição capilar, mas você quer experimentar outra opção além do óleo de coco? Então comece a utilizar o óleo de argan no seu cronograma! Isso porque, quando usado na umectação, o óleo proporciona uma nutrição profunda nos fios.

Repondo todos os nutrientes necessários para um cabelo saudável, mais bonito, macio e sem frizz.

 

Recupera o fio dos desgastes diários

Protegendo os fios contra problemas externos, o uso do óleo de argan é capaz ainda de recuperar os desgastes que o cabelo já sofreu. Ou seja, ele irá recuperar a fibra capilar, ao mesmo tempo em que protege contra outros danos externos (como secador, sol, poluição, chapinha, etc.).

 

Equilibra o couro cabeludo

Este óleo é ainda capaz de equilibrar o sebo do nosso couro cabeludo. Pois quando fazemos a umectação, ao massagear uma pequena quantidade no couro cabeludo, o nosso organismo passa a absorver os nutrientes e, a partir disso, equilibra os níveis de sebo produzido.

Seu cabelo ficará ainda mais hidratado, macio, e sem pesar com os óleos naturais do corpo.

 

Como usar o óleo de argan

Já deu para nós percebermos que o óleo de argan é um dos melhores amigos dos nossos cabelos. Aprenda agora a como usá-lo no dia-a-dia:

  • Como hidratação: Você pode aplicar duas colheres de sopa do óleo na sua máscara de hidratação e aplicar normalmente nos fios, deixando agir por 10 minutos.
  • Como umectação: Basta envelopar os fios com o óleo, mas sem encharcar. Deixe agir por duas horas e enxágue bem, duas vezes.
  • Como protetor diário: Assim que você terminar de escovar os fios, ou fazer a sua chapinha, aplique a quantidade de meia colher de chá do óleo de argan por toda a extensão dos cabelos, uniformemente.

Pronto! Com essas três formas de utilização, você já estará tratando os seus fios.

Contra indicações:

Como possui alto poder de hidratação, não é aconselhável a sua utilização em grandes quantidades ou muito próximo da raiz, especialmente em cabelos mais oleosos.

 

Benefícios para a pele

Além de apresentar benefícios incríveis para os cabelos, podemos ainda utilizar o óleo de argan na pele. Entenda o porquê:

 

Retarda o envelhecimento da pele

Lembra dos antioxidantes que mencionamos anteriormente? Pois é! Do mesmo modo que o óleo os mantém longe dos fios, ele também os mantém longe da pele. E, como consequência, há um retardamento no processo de envelhecimento celular.

Sua pele, além de hidratada e macia, ficará protegida contra os males externos, mantendo a firmeza e a elasticidade por muito mais tempo.

 

Poderoso anti-inflamatório

Para quem tem problemas com acnes e espinhas, é possível usufruir do benefício anti-inflamatório do óleo de argan, devido à aceleração do processo de regeneração e cicatrização da pele, ajudando também a evitar que novas espinhas apareçam.

 

Hidrata profundamente

Embeber regiões super secas, como cotovelos e calcanhar, com o óleo de argan traz resultados quase que imediatos. A pele começa a se regenerar, além de ficar macia e parar de descamar.

 

Evita o aparecimento de estrias

Pode ser usado em combinação com outro óleo, como o óleo de coco ou de amêndoas para evitar o aparecimento de estrias durante as fases mais críticas, como adolescência e gravidez. 

Pronto! Com esses cuidados diários, certamente você terá uma pele mais saudável, firme, bonita e livre de cravos e espinhas. 

 

Benefícios para as unhas

Fortalece as unhas

O óleo de Argan também pode ajudar a fortalecer as unhas, devido à presença da vitamina E e a suas características antioxidantes, tornando-as mais resistentes a fatores externos como o uso de produtos químicos para lavar louças e roupas, por exemplo.

 

Amolece as cutículas

Por questões estéticas, algumas mulheres optam por retirar as cutículas na hora de fazer as unhas. O óleo de Argan pode ser utilizado para amolecer as cutículas e facilitar sua remoção.

Como usar o óleo de argan na pele

Mas, como usar o óleo de argan para cuidar da pele? É simples:

  • Para regiões extrassecas (cotovelo, joelho e calcanhar): Basta aplicar uma quantidade generosa de óleo nestas regiões e cobrir com uma gaze, antes de dormir. Pela manhã, faça uma mistura de 1 colher de sopa de óleo com 1 colher de chá de açúcar e faça uma esfoliação. Finalize aplicando algumas gotinhas do óleo e pronto!
  • Para usar na pele normal: Basta acrescentar algumas gotinhas do óleo em seu creme hidratante natural e aplicar normalmente.
  • Para tratar espinhas: Aplique uma gotinha do óleo em cada espinha, massageando bem. Deixe agir o máximo de tempo possível e finalize com uma esfoliação seguida de hidratação.

Benefícios para a saúde

Apesar de o óleo de argan ser muito mais utilizado atualmente para fins cosméticos, diversos estudos científicos têm demonstrado os seus benefícios também na alimentação para cuidar da saúde. E os benefícios são muitos, como a prevenção e o tratamento de algumas doenças.

Estes resultados demonstraram que o tratamento com óleo de argan reduziu a elevação da pressão arterial, hiperglicemia e aumentou a resistência à insulina através de suas propriedades antioxidantes em ratos alimentados com glicose. Portanto, o óleo de argan, que agora está disponível no mercado como alimento consumível, pode ter um potencial valor terapêutico no tratamento da hipertensão arterial e no aumento da resistência à insulina.

Além disso, algumas pesquisas científicas indicam o poder do óleo de argan na redução do risco de doenças cardiovasculares.

 

Caso queira um guia de cosméticos completo com receitas caseiras, naturais, veganas, livres de substâncias tóxicas e fáceis de fazer, o Escolha Natural recomenda o livro: guia completo da beleza feita em casa.

Posts Recomendados

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *