Chumbo em Cosméticos: O Que é, Marcas que Contêm e Como Evitar

chumbo em cosméticos

A utilização do chumbo em cosméticos é um assunto muito pouco debatido, mas que certamente interessa à sua saúde. Você sabia que o chumbo pode estar presente nos seus produtos de beleza? E que o uso de itens com chumbo pode causar dano cerebral em crianças e câncer?

Nós escrevemos este artigo para deixar você a par dos perigos para sua saúde que estão envolvidos no uso deste elemento!

Fique sabendo dos principais riscos da presença do chumbo em cosméticos e como evitá-lo.

 

Boa leitura!

 

O que é o chumbo?

O chumbo é um metal pesado, de densidade elevada, usado amplamente em:

– Indústrias

– Construção civil

– Operações de Raio-X

– Fabricação de munição

 

Além disso, o chumbo já foi utilizado para a produção de baterias no começo dos anos 2000.

O chumbo é um metal pesado do tipo bioacumulativo. Isso quer dizer que ele se acumula de forma progressiva no corpo de quem o ingere e não é eliminado com o tempo (MARTINS, D. F., 2016).

Não espere encontrar chumbo listado entre os ingredientes de cosméticos. Seu batom pode conter chumbo sem constar entre os compostos da embalagem, pois o chumbo é considerado um “contaminante” que está presente nos corantes e pigmentos que constituem o produto.

 

Quais os riscos do chumbo para a sua saúde?

Risco: Altíssimo!

O Environmental Working Group (EWG) emprega ao chumbo nota 10 de 10 – Risco Máximo – o que significa que você definitivamente deve evitá-lo!

Não sabe o que é EWG? Então leia nosso artigo explicando tudo sobre a EWG.

O chumbo (elemento químico de símbolo Pb) ou lead (em inglês) está relacionado com a ocorrência, entre outros, de:

– Câncer

– Depressão

– Agitação

– Agressão

– Perda de concentração

– Déficit de QI

– Hiperatividade

– Desregulação do ciclo menstrual

– Nascimento prematuro

– Alzheimer

– Parkinson

– Redução das capacidades cognitivas

(ABUSHADY, M et al 2017; LONDONO-FRANCO, L et al 2016; MARTINS, D. 2016;

MARTURANO, E.; ELIAS, L. 2009; PIMENTA, A. 2012)

 

Não há níveis seguros para a exposição ao chumbo e as crianças são as mais prejudicadas. Mesmo os menores níveis de chumbo podem causar:

– redução na atividade cerebral

– distúrbios comportamentais

– desenvolvimento anormal do cérebro

– queimaduras

(MARTURANO, E.; ELIAS, L. 2009)

 

O uso do chumbo em cosméticos é permitido?

 

Depois de todos estes perigos para a saúde humana, você deve presumir que o uso do chumbo na fórmula de cosméticos é algo proibido, certo? Errado! Pegue seus produtos de beleza e leia as suas fórmulas. Temos certeza de que vai encontrá-lo mais facilmente do que imagina!

Nos Estados Unidos, a Food and Drug Administration (FDA) recomenda que a concentração máxima de Chumbo em Cosméticos seja de 10 ppm (medida equivalente a miligrama por quilo).

A iniciativa Safe Cosmetics critica a postura do FDA de não proteger os consumidores.

No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) proibiu o Acetato de Chumbo em tinturas de cabelo em 2006. Porém, em 2013 ele voltou a ser permitido na concentração máxima de 0,6% nestes produtos.

Esta substância poderá aparecer como contaminante dos corantes e pigmentos utilizados em  maquiagens, sendo que o limite máximo permitido é de 20 ppm, conforme estabelecido pela ANVISA: o dobro do nível permitido aos norte-americanos!

O uso do chumbo em cosméticos ainda é permitido em diversos países mundo afora, mas deveria ser proibido!

O CDN, Centers for Disease Control and Prevention alerta que não há dose segura de chumbo.

 

Nomes do chumbo nos rótulos de produtos:

Fique atento: o chumbo não aparece nos rótulos dos produtos, pois não são adicionados aos cosméticos diretamente, mas aos pigmentos e corantes.

 

Onde o chumbo é encontrado?

O chumbo é encontrado nos pigmentos e corantes que compõem diversos produtos. Dessa forma, o chumbo pode ser encontrado nos mais variados cosméticos, tais como:

– Batons

– Shampoos

– Bases

– Maquiagens em geral

Os batons lideram o primeiro lugar como o cosmético que mais comumente contém chumbo. Em 2012, a FDA testou centenas de batons de 20 marcas populares de cosméticos. Os cientistas do FDA encontraram chumbo em todos eles.

 

Atenção: Não confie em testes que vemos na internet, como passar  jóias de ouro no batom, porque esses testes não são científicos. As concentrações são muito pequenas (ppm) para serem identificadas em um simples teste caseiro. Confie apenas em testes de laboratórios renomados.

 

Como evitar o chumbo?

Informe-se bem sobre as marcas de cosméticos que você utiliza antes de realizar novas compras. Existem diversas marcas preocupadas com a saúde de seus consumidores que não utilizam o chumbo nos seus cosméticos.

Existem também diversos fabricantes de produtos naturais que respeitam o seu corpo e não utilizam toxinas em seus produtos. A dica mais importante aqui é: pesquise sobre as marcas antes de  comprar seus produtos.

Para você que quer deixar de se preocupar definitivamente com a composição e fórmula dos produtos, mas não abre mão de sua vaidade, existem alternativas naturais que substituem o batom convencional!

 

Gostou do artigo? Ficou surpreso com o que o chumbo pode fazer com a sua saúde? Quer ler sobre alguma outra substância?

 

Não deixe de fazer seu comentário!

Caso queira um guia de cosméticos completo com receitas caseiras, naturais, veganas, livres de substâncias tóxicas e fáceis de fazer, o Escolha Natural recomenda o livro: guia completo da beleza feita em casa.

Posts Recomendados

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *